Breve Breve
Curitiba
Irati
São José dos Pinhais
Guaratuba
Foz do Iguaçu
Imbituva
Matinhos
Terra Roxa
Piraquara
Piraí do Sul
Iporã
Araucária
São Pedro do Ivaí
Prudentópolis
Lapa
Antonina
Morretes
Fazenda Rio Grande
Colombo
Bocaiúva do Sul
Contenda
Jandaia do Sul
Kaloré
Ortigueira
Paranaguá
Guaraqueçaba
Cascavel
São Mateus do Sul
Apucarana
Pitanga
 
 
  Cadastre seu e-mail e receba notícias do Deputado
 

Mais Buscadas

Notícias
Imprimir Enviar Contato
CCJ aprova mensagens do Governo do Estado que beneficiam pequenas e microempresas

 Nove das onze mensagens do Governo do Estado constantes na pauta da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) foram aprovadas na sessão realizada no início da tarde desta terça-feira (13). Entre elas, as quatro que tratam de financiamento e de apoio às pequenas e microempresas. Pedidos de vista adiaram a votação dos projetos de lei nº 103/2018 e 104/2018, referentes à doação e alienação de imóveis pelo Instituto Ambiental do Paraná e pelo Instituto Agronômico do Paraná. Como todas as mensagens do Executivo tramitam em regime de urgência, o presidente da CCJ, deputado Nelson Justus (DEM), convocou sessão extraordinária para esta quarta-feira (14), às 13h30, novamente no Auditório Legislativo da Casa.

Dentre as proposições de origem parlamentar aprovadas estão o projeto de lei nº 406/2017, de autoria do deputado Dr. Batista (PMN), dispondo sobre a criação do Sistema de Transporte de Órgãos e Tecidos Humanos para fins de transplante; e o projeto de lei nº 837/2017, do deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), acrescentando dispositivo à Lei nº 16.164/2009, que concede anistia aos servidores demitidos por motivação política, para o fim de contagem de tempo de afastamento como de efetivo exercício do cargo e carreira.

Pequenas e microempresas – O projeto de lei complementar nº 1/2018, do Poder Executivo, altera a redação da Lei Complementar nº 163/2013, que instituiu o tratamento diferenciado e favorecido a ser dispensado às pequenas e microempresas – que representam 83% do total de contribuintes do ICMS do Estado – visando a diversificação das origens das fontes de recursos destinadas à constituição do Fundo de Capital de Risco, um dos três destinados a apoiar e fortalecer estas empresas. O projeto de lei nº 99/2018 institui o Fundo de Inovação das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Paraná (FIME), para financiar projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação do setor, reconhecendo a relevância de criar mecanismos que ampliem sua capacidade competitiva.

O projeto de lei nº 100/2018 institui o Fundo de Capital de Risco do Paraná (FCR-PR), com o objetivo de permitir o investimento em Fundos de Investimento destinados a fomentar e consolidar empresas de micro e pequeno porte de setores considerados estratégicos, que apresentem perspectivas de crescimento rápido. Estes fundos permitem às empresas captar recursos a custos mais acessíveis do que em instituições financeiras. E o projeto de lei nº 101/2018 institui o Fundo de Aval Garantidor das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Paraná (FAG-PR), que dará garantia em operações contratadas por micro e pequenas empresas para aquisição de bens de capital.

Corpo de Bombeiros – Também foram aprovadas mais cinco mensagens governamentais: o projeto de lei nº 98/2018 regula o exercício do Poder de Polícia Administrativa pelo Corpo de Bombeiros Militar, instituindo normas gerais para a execução de medidas de prevenção e combate a incêndios e desastres; o projeto de lei nº 102/2018altera, acresce e revoga dispositivos da Lei nº 17.016/2011, que institui a Agência Paraná de Desenvolvimento; o projeto de lei nº 109/2018 estabelece a descrição das atribuições dos cargos de provimento em comissão e das funções de gestão pública de integrantes das estruturas organizacionais do Gabinete do Governador, da Vice-Governadoria, da Casa Civil, da Casa Militar, da Controladoria Geral do Estado, da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Secretaria de Estado do Planejamento e Coordenação Geral; o projeto de lei nº 110/2018 trata da Política Estadual do Biogás e Biometano; e o projeto de lei complementar nº 2/2018 acrescenta e reenumera dispositivos da Lei Complementar nº 205/2017, que dispõe sobre os serviços de distribuição de gás canalizado no Estado.

Ainda entre as matérias aprovadas na sessão desta terça estão o projeto de lei nº 79/2018, de autoria do deputado Felipe Francischini (SD), concedendo o título de Cidadão Honorário do Estado ao filósofo, jornalista e escritor Olavo Luiz Pimentel de Carvalho, considerado o mentor da nova Direita do país; o projeto de lei nº 187/2017, de autoria do deputado Paulo Litro (PSDB), determinando que as pessoas jurídicas privadas e as empresas prestadoras de serviços públicos essenciais informem a existência de débitos nos boletos de cobrança; e o projeto de lei nº 442/2017, de autoria do deputado Professor Lemos (PT), estabelecendo a fixação em braile das informações contidas nas gôndolas de padarias, supermercados e similares em estabelecimentos comerciais

Fonte: http://www.alep.pr.gov.br

13/03/2018
« Notícia anterior
Deixe sua opinião
 
Nome:
E-mail:
Opinião:
 
 
Mais Notícias
 
25/06/2018
-
Governo anuncia R$ 323 milhões para saúde dos 399 municípios
25/06/2018
-
Ações em habitação vão atender 3,2 mil famílias em Foz
24/06/2018
-
Festa da Laranja e Ponkan em Cerro Azul
11/06/2018
-
Começam a ser testados novos terminais eletrônicos -ALEP
20/05/2018
-
Nelson Justus prestigia Festa do Produtor Rural em Doutor Ulysses
19/05/2018
-
Deputado Nelson Justus e Prefeito Livino , no 12º encontro de Trilheir
10/05/2018
-
Guaratuba investirá em asfalto, esporte e atendimento a jovens
08/05/2018
-
Contenda vai pavimentar a continuação da Rua São João com recursos do
29/04/2018
-
Governadora e Comandante-Geral da PM oficializam criação de Companhia
29/04/2018
-
Desfile de Aniversário exalta Pontos Turísticos de Guaratuba